24/02/2020 - Por: Blog Sei Tangara
OT CAMPEÃO: MUDANÇA NO REGULAMENTO 2020 FOI FUNDAMENTAL

 

 
A equipe da OT Cruzeiro foi quem melhor utilizou a principal mudança no regulamento da atual edição e no jogo final conseguiu superar a favorita Baixada em um jogo quase perfeito da equipe que conquista o 2º título em sua história (a equipe foi campeã em 2017). Assunto que será explanado mais adiante na nossa matéria.
 
JOGOS PRELIMINARES (FINAIS SUB-15 e QUARENTÃO)
Antes da grande final da 37ª Copa Verão de Futsal, foi realizado jogos nas categorias Sub-15 valendo o título da Copa Volta as Aulas de Futsal e na sequência a Pinha máster não teve dificuldade para superar a equipe do União e conquistar o título da Copa Quarentão de Futsal.
 
Pela Copa Volta as Aulas Sub-15, a equipe da casa (SEI Tangará) venceu o Flamenguinho de Bom Jesus pelo placar de 3x2 com o gol do título ocorrendo nos 50 segundos finais. Além do título a equipe da SEI teve o goleiro menos vazado (Marcos Vinícius) que sofreu apenas 6 gols e o artilheiro (Cláudio Neto) que marcou 9 vezes na competição. Arbitragem ((FNFS) João Batista, Aurimar Silva e Ailton Webher. A realização da competição foi da SEI Tangará com apoio da prefeitura de Tangará, Secretaria Municipal de Esportes e CETAN (Comissão  Esportiva Tangaraense).
 
Repetindo o feito da categoria Sub-15, a equipe campeã (Pinha Máster) da Copa Quarentão de Futsal, também recebeu as premiações individuais de goleiro menos vazado (Chicó) com 5 gols sofridos e o artilheiro (Gilvan André) que marcou os 3 gols na vitória por 3x0 frente ao União do Assentamento Ronda vindo a ultrapassar os seus concorrentes como maior goleador ficando na liderança isolada com 6 gols assinalados. Arbitragem (FNFS) Iran Bezerra, Aurimar Silva e Ailton Webher.
 
HOMENAGENS
Antes da bola rolar para a grande final, os presentes no ginásio poliesportivo senador Carlos Alberto de Souza aplaudiram os homenageados (in memoriam) que nos deixaram recentemente e de forma justíssima os familiares receberam da organização a placa simbólica em agradecimento aos relevantes serviços prestados ao desporto tangaraense. 
 
O casal Nilson e Eugênia receberam a placa em homenagem à Nascimento de Andrade, a professora Cida e Filhas receberam em nome de José Fernandes de Lima, conhecido popularmente por Zé Honório e professora Adália e  filhos receberam a placa em homenagem a João Batista de Oliveira (João Batista da câmara) pai do secretário de esportes, Luizinho Oliveira. Aplausos e momentos de emoções foram presenciados de toda as partes das arquibancadas e quadra de jogo.
 
A torcida da Baixada levou faixa em homenagem ao jovem Pedro Matheus (in memoriam) e também homenageado em alguns jogos da competição o jovem Nicácio Silva, amante do esporte, principalmente da Copa Verão que também nos deixou recentemente. 
 
 Eugênia e Nilson recebem a placa de Diogo em homenagem ao desportista Nascimento
 Cida e família recebe das mãos de Murilo Cabral a placa em homenagem à Zé Honório
 Sec. de esportes Luizinho (filho), Adália (esposa), João César (filho), recebem da mão de Juarez (irmão) a placa em homenagem à João Batista 
Torcida da baixada levou faixa em homenagem á Pedro Matheus
 
O TÍTULO DA OT
Bem antes da realização do congresso técnico da Copa verão, os comentários sobre a competição era que a Baixada seria o time a ser batido por tamanho investimento do presidente Andrier Pontes que montou uma base caseira muito forte e com reforços de atletas de fora que encaixava muito bem com o seu plantel.
 
Veio o congresso técnico e uma nova proposta acatada pela maioria dos representantes de equipes veio a fazer a grande diferença na fase de afunilamento da competição, a utilização de um goleiro de fora, além do já tradicional dois atletas visitantes por equipe. Mas, antes da figura do goleiro entrar em cena a competição seguia um curso que parecia ser difícil de imaginar um final diferente.
 
Baixada iniciou arrasadora como se esperava, goleando logo na estreia a equipe da OT Cruzeiro pelo placar de 6x1, e foi fazendo vítima, 6x0 (união), 8x1 (Pelada dos Amigos) e 5x2 ((SANBRA), nas quartas-de-finais (4x1 Fidelão) e na semifinal venceu por WxO a equipe do União.
 
Por outro lado a equipe da OT que estreou sendo goleada por 6x1, iniciou uma reação tímida e foi vencendo seus adversários sem empolgar muito os seus torcedores, 2x0 (Pelada dos Amigos). 4x1 (SANBRA) e 2x0 (União. A confiança foi reascendendo a partir da fase quartas-de-final com as chegadas do conhecido veterano Betinho e dos atletas até então poucos conhecidos dos torcedores tangaraenses. Roldão da cidade de São Rafael e o goleiro Carlinhos que foi peça chave e faz alusão ao título dessa matéria (mudança no regulamento fez a diferença).
 
Com esses três atletas citados a equipe da OT veio crescendo de produção a cada jogo e passando confiança para os atletas Higo e Légo que formava o quinteto inicial e os atletas Ronaldo, Thiago e Juninho que passaram a entrar no jogo com muita confiança. dessa forma os jogos das quartas-de-finais (8x1 Russinha) e da semifinal (9x0 SANBRA), serviu de preparação para o jogo mais esperado da competição.
 
O grande número de torcedores que lotou o ginásio Carlos Alberto e os milhares que acompanhavam das mais variadas localidades pela TWC (Tv Web Central) com transmissão da equipe da central do Esporte pelas redes sociais, esperavam ansiosos para ver como se saía a equipe que mais investiu e formou um elenco realmente muito forte frente a uma equipe que se moldou durante a competição e foi crescendo bastante a partir da fase quartas-de-finais.
 
Um minuto e meio foi o suficiente para Dêdê de Lagoa Dantas colocar a Baixada na frente, apresentar sua dança comemorativa para os seus torcedores, mas antes da torcida da OT ligar o alerta da desconfiança o coringa da competição, o que foi o divisor do grande momento da OT na competição, aquele que faz o dirigente da OT bater no peito e afirmar "soubemos usar o regulamento e trouxemos o goleiro certo", ele mesmo Carlinhos empata o jogo aos 2 minutos em um chute muito forte do meio da quadra. Ainda no 1º tempo Betinho aproveita o rebote do goleiro adversário e vira o placar do jogo para 2x1.
 
Um segundo tempo emocionante com a Baixada buscando o empate, porém o bloqueio da OT estava muito bem feito e quando a equipe conseguia furar esse bloqueio, o goleiro Carlinhos aparecia como sempre com uma segurança incrível. Nas raras vezes em que o atleta Carlinhos foi surpreendido, Anderson acertou um forte chute na trave quase ocasionando no empate. Nos minutos finais a equipe da Baixada utilizou Igor Kaçula como goleiro linha, porém a exposição necessária em busca do empate culminou em um contra-ataque fatal com Higo atravessando toda a extensão da quadra em velocidade e fechando o placar em 3x1, fazendo com quê o torcedor da OT ecoasse pela segunda vez na sua história o grito de CAMPEÃO da Copa Verão.   
 
A Baixada uma equipe muito forte foi surpreendida pela maneira quase perfeita da OT se postar dentro de quadra defensivamente e saindo para o ataque sempre em momentos decisivos com jogadas iniciadas pelo goleiro Carlinhos com passagem por Roldão e Légo que foi crescendo bastante na reta final da competição. A equipe cresceu no momento certo e foi merecedora do título vindo a vencer uma equipe muito forte. Parabéns aos finalistas, grande jogo.
 
Arbitragem de João Batista e Iran Bezerra com serviços de mesa de Ailton Webher.
 
A Copa verão de Futsal é uma realização da Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer com promoção total da Prefeitura Municipal de Tangará. Na edição 2020 a arbitragem foi da FNFS (federação Norteriograndense de Futsal)
 
Ao término da competição foram entregues as seguintes premiações:
Campeão (OT) troféu, medalhas e R$ 5,000,00
Vice (Baixada) troféu, medalhas e R$ 2.500,00
Artilheiro (Roldão/OT) troféu e R$ 250,00
Goleiro Menos Vazado (Carlinhos/OT) troféu e R$ 250,00
 
 
vereador Antônio Custódio entrega premiação de goleiro menos vazado à Carlinhos (OT)
 O artilheiro Roldão com 9 gols recebe premiação das mãos do vereador Cesinha barbosa
Vereador Nilson Lima entrega troféu de campeão a OT
deputado Ubaldo Fernandes entrega premiação de Vice ao presidente Andrier (Baixada)
 atletas de fora da equipe da OT (Roldão, Betinho e Carlinhos)
 
PRA VOCÊ!
A emoção que tomou conta antes e durante a partida, não foi diferente após o apito final. O atleta Légo Oliveira, filho do saudoso João Batista que faleceu dois dias antes da final, não segurou as lágrimas e apontando para o céu ofereceu o título ao seu amado pai, amparados pelos colegas, carregado nos ombros e abraçado ao irmão caçula, João César, o atleta conquista mais uma Copa Verão e dessa vez o oferecimento vai para o alto, local aonde o seu pai acompanhou todos esses momentos marcantes de mais uma Copa verão de Futsal. 
 
 


 
 


 
 secretário Luizinho entrega troféu a Popó (SEI campeão Sub-15)
 
 Chicó (Pinha Máster) goleiro menos vazado 5 gols/S
 Gilvan André, artilheiro (Pinha Máster) 6 gols marcados
Murilo Cabral entrega troféu a Beto (Pinha Máster)
Fotos: Blog do Robson Freitas